10 dicas de fotografia para melhorar o seu Instagram

Quem disse que precisa de uma câmera profissional para tirar fotografias dignas de milhares de likes? É verdade, não é preciso uma câmera DSLR quando tem um smartphone sempre à mão! E isto abre uma porta gigantesca de oportunidades criativas – porque não basta olhar, também é preciso ver! Um dos destinos óbvios para as suas fotografias será muito provavelmente o Instagram e, por isso mesmo, estas 10 dicas dar-lhe-ão novas ideias e uma maneira de refrescar o seu feed! Além destes truques, pode também ir “pescar” outros truques fotográficos que possam ser perfeitamente adaptáveis ao seu smartphone e às suas necessidades!

 

  1. Simplifique

É essencial treinar os seus olhos para filtrar elementos de distração à sua volta. Aperfeiçoando esta habilidade, conseguirá apreciar a beleza da simplicidade e elevará a qualidade da sua fotografia de smartphone e quase de forma instantânea. Todos os dias estamos rodeados de coisas maravilhosas. O importante é identificá-los e lembre-se de os simplificar até que não possa mais!

 

  1. Encontre ângulos menos convencionais

Uma das vantagens de ter o seu smartphone sempre consigo é o facto de poder aceder de forma rápida e fácil à sua câmera. Um smartphone também permite que tire fotografias em ângulos menos convencionais, face à facilidade de mobilidade do aparelho, quando comparado com as câmeras profissionais. Exprimente ângulos diferentes de fotografia para lhes dar uma perspectiva completamente diferente!

 

  1. Faça ou quebre as suas composições

Para ser um bom fotógrafo não basta ter uma boa câmera e ser muito criativo. A fotografia é uma arte e como tal, há toda uma ciência por trás. Aperfeiçoe os seus conhecimentos sobre as regras de composição básicas de fotografia e aprenderá a compor os diferentes elementos de uma imagem para que esta seja mais “orgânica”. A partir daí poderá avançar para técnicas mais avançadas e quebrar as regras das suas composições tendo em conta o seu interesse visual. Caso queira aprofundar os seus conhecimentos na área, poderá procurar por tutoriais e vídeo-aulas no Youtube, além de serem gratuitas também lhe poderão ser bastante úteis. Depois de dominar o básico, poderá dar o seu toque pessoal e desenvolver as suas próprias técnicas!

 

  1. Tente close-ups

Da mesma forma que uma fotografia pode ser dividida em disparos com mais detalhes, poderá fazer o mesmo com as suas composições. Faça close-ups de objetos e jogue com o zoom em coisas como cores e texturas. Vai ficar impressionado com o resultado final!

 

  1. Jogar com sombras

A “hora dourada” é uma das melhores alturas para sair e fotografar. Quando o sol nasce ou quando o sol se põe, são criadas várias sombras. Jogue com as luzes e com as sombras para criar fotografias incríveis!

 

  1. Bloqueie cores

Tire fotos de pessoas ou objetos contra a luz solar para capturar as matizes da natureza. Pode também experimentar com iluminação e fazer isto em casa!

 

  1. Apanhe e jogue com reflexos

Para aumentar o interesse visual, pode tentar limitar (ou até exponenciar, quem sabe) os reflexos na água ou em superfícies brilhantes. Procure pontos de vista mais baixos para fotografias menos convencionais de reflexos para que grande parte da sua composição fotográfica seja composto por um reflexo! O efeito fica espectacular e consegue dar um efetio menos usual à sua fotografia!

 

  1. Obsessão com a simetria

A simetria é e sempre será agradável aos olhos. Utilize elementos da natureza, objetos ou até pessoas como inspiração para jogar com as diferentes proporções dos elementos escolhidos.

 

  1. Edição de ferramentas para o resgate

Mesmo as fotografias mais “chatas” e maçadoras podem ser transformadas em obras fotográficas incríveis, muito graças aos diferentes softwares de edição que existem actualmente. Snapseed, VSCO, Filsterstorm Neue, Enlight, Mextures, TouchRetouch, SKRWT, Afterfocus, LensDistortions ou Superimpose são boas aplicações para começar a explorar.

 

  1. Torne-se um storyteller

Não seja apenas um fotógrafo, seja um contador de histórias! Documentar o processo de alguém a fazer algo ou capturar um evento numa série de fotografias são algumas ideias para começar. Além das fotografias ganharem um outro significado, também será possível “puxar” pelo lado emocional de que vê a fotografia. Melhor que isso, este tipo de fotografia está bastante na moda ou seja, MUITO LIKES!

 

Instagram: o que é, para que serve e como usar!

instagram-1474231_960_720

Olá a todos!

Como têm passado? Têm tirado muitas fotografias? Espero que sim!

Hoje é dia de vos falar um pouco sobre o Instagram, uma das aplicações de fotografia mais conhecidas e usadas no mundo. Também usam? Eu sim, sem dúvida! No entanto, se pouco conhecem esta aplicação, não faz mal, porque hoje é o dia em que vão ficar a perceber a sua enorme popularidade, após explicar-vos o que é, para que serve e como usá-la.

O que é o Instagram

Ora, esta aplicação é uma rede social, como tantas outras, que nos permite seguir um conjunto de pessoas (amigos, conhecidos, até desconhecidos), ver e seguir as suas publicações na timeline, escrever comentários, colocar gostos (que aparecem em forma de coração), partilhar publicações e, claro, falar num chat. Esta última funcionalidade, confesso, não é muito usada por mim, pois prefiro o WhatsApp ou até o messenger do Facebook.

Para que serve o Instagram

E, então, para que serve o Instagram? No fundo, esta rede serve para partilhar fotografias e vídeos. Apenas isso. Nada de textos, só os que acompanham as imagens ou os vídeos. É, portanto, uma rede social puramente visual e emotiva.

Como usar o Instagram

 Bem, a verdade é que esta aplicação é muito fácil de usar e é extremamente intuitiva. Em primeiro lugar, precisam de ter uma imagem já guardada no telemóvel. Depois, têm duas hipóteses: abrem-na e partilham-na directamente na aplicação, ou abrem a aplicação e vão buscar a fotografia que pretendem à pasta respectiva. Independentemente da hipótese que escolherem, após a imagem estar carregada para edição na aplicação (aqui podem cortar, rodar, alterar cores, colocar filtros, etc.), só precisam de seguir os passos que vos aparecem, até chegarem ao derradeiro momento de carregar no “okay” final. Tomem também atenção ao facto de poderem partilhar simultaneamente a mesma imagem – e com o mesmo texto – no Facebook, no Twitter e noutras redes sociais. Saibam também que, se quiserem partilhar um vídeo, seguem exactamente as mesmas etapas.

Não é nada difícil usar o Instagram, isso garanto-vos. E é tão intuitivo que, quando o começarem a usar, não vão querer outra coisa. Chega mesmo a ser viciante, até quando não queremos partilhar nada, pois só o facto de perdermos horas a fazer o típico “scroll down” na timeline já mostra a enorme adição a esta rede social. No entanto, apesar do grande vício, esta é uma aplicação de fotografias excelente, tanto que devo voltar a falar dela brevemente.

Vemo-nos  no próximo artigo? Boas fotografias… e boa sorte com esta experiência digital!